• Simule seu crédito

    Simule seu crédito

    • Empréstimo com veículo em garantia
    • Empréstimo com imóvel em garantia
    • Empréstimo consignado
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Soluções

    Soluções

    • Imóveis
    • Reforma
    • Venda
    • Carros

    • Financiamento de carros
    • Loja de carros
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Benefícios corporativos

    Empresas

    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Ajuda
Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Controle financeiro
  • Realizando sonhos
  • Saia do Vermelho
  • Me explica Creditas
  • Tudo sobre Crédito
  • Meu negócio
  1. Home

  2. Me explica Creditas

Me explica Creditas

Glossário Financeiro

Tire suas dúvidas com a definição dos principais termos do mercado financeiro.

por Portal Exponencial

Atualizado em 6 de junho, 2022

Quer saber o significado de todos os principais termos realacionados ao mundo das finanças? Então você está no lugar certo. Nesta matéria, você encontra tudo que precisa para conheçar os principais termos utilizados nesse universo.

Para facilitar sua jornada nesse universo, escola uma das letras abaixo:

Letra A

Confira os principais termos com a letra A.

a.a.

Abreviação para ''ao ano''. Utilizado para indicar o prazo da aplicação da taxa de juros

a.m.

Abreviação para ''ao mês''. Utilizado para indicar o prazo da aplicação da taxa de juros

Alienação Fiduciária

Termo geralmente usado em linhas de crédito como financiamento e empréstimo com garantia. É um mecanismo em que uma pessoa física ou jurídica assina um contrato, colocando um bem como garantia do pagamento de um empréstimo. Isso é feito para que o consumidor assegure que a dívida será quitada e, assim, consiga melhores taxas de juros e prazo. Esse acordo permite que, em caso de inadimplência, a instituição financeira tome o bem alienado.

Amortização

Extinção de dívidas por meio de pagamentos periódicos, ou seja, reduzindo pouco a pouco o débito, sendo que as prestações correspondem às divisões do saldo devedor em parcelas pagas mensalmente até a quitação total.

Análise de crédito

Procedimento realizado por instituições financeiras e agentes credores, no qual, avalia-se o perfil de um cliente que deseja contratar um serviço de crédito (ex: empréstimos, financiamentos e cartões de crédito). Na análise de crédito, são analisados dados pessoais que evidenciam o perfil financeiro do cliente e seu histórico de consumo.

Anuente

Pessoa capaz de anuir, de consentir, de aceitar. Termo jurídico usado para descrever indivíduos ou instituições que consentem o contrato proposto pelo proponente.

Assessoria Financeira

Serviço prestado por instituições e profissionais especializados em finanças pessoais, cujo intuito é orientar famílias, indivíduos e empresas a usar o dinheiro da melhor maneira. Assessorias financeiras são procuradas para auxiliar com diversos objetivos, como reduzir dívidas ou aumentar o capital.

Autônomo

Indivíduo ou instituição que determina as próprias normas de conduta, com liberdade administrativa e política.
O trabalhador autônomo é aquele que presta serviços por conta própria e não possuiu vínculo empregatício com nenhuma empresa. Não é respaldado pelo direitos trabalhistas definidos na CLT, portanto, assume os riscos da própria atividade. Exemplos: médicos, advogados, contadores, etc.

Avalista

Indivíduo que aceita ficar responsável pelo pagamento de uma transação financeira realizada por terceiros, se estes não conseguirem quitar a dívida. É muito comum no caso de empréstimo ou financiamento, como forma de garantia de extinção do débito. O avalista já é cobrado depois de uma parcela atrasada e, mesmo nesse, a pessoa deve pagar apenas o valor emprestado, sem quaisquer taxas.

Averbação

Ato de averbar, registrar. Significa escrever à margem de um título ou registro, ou seja, qualquer alteração no registro de um imóvel. Exemplos de atos de averbação: mudança no estado civil, Habite-se, etc.

B3

A Brasil, Bolsa, Balcão é uma empresa provedora de infraestrutura para operações do mercado de capitais e financeiro, considerada uma sociedade de capital aberto. Oferece serviços de negociação (bolsa), pós-negociação (clearing), registro de operações de balcão e de financiamento de veículos e imóveis.

⬆️ Voltar para índice

Letra B

Confira os principais termos com a letra B.

Bacen

Abreviação para Banco Central. Instituição responsável pelo controle da inflação, da circulação de dinheiro no Brasil, das taxas de juros e pela regulamentação das linhas de crédito.

Banco Central (BC)

Instituição responsável pelo controle da inflação, da circulação de dinheiro no Brasil, das taxas de juros e regulamentação das linhas de crédito.

Banco Digital

Instituição financeira que oferece a maior parte de seus serviços e produtos online. O cliente pode acessar a conta corrente por um aplicativo ou no site da empresa, pelo Internet Banking.

Banco do Brasil (BB)

Banco estatal brasileiro, constituído como uma sociedade de economia mista, sendo que a União participa em 54% das ações.

Banco Inter

Instituição financeira brasileira sediada em Belo Horizonte, Minas Gerais. É um banco digital que atua no mercado de ativos com operações de conta corrente, crédito imobiliário, crédito ao consumidor, capital de giro e crédito consignado.

Banco Original

Instituição financeira brasileira controlada pela holding J&F e totalmente digital, com foco no agronegócio, varejo e para o segmento corporativo.

Banco Pan

Instituição financeira brasileira com sede em São Paulo. Atua nas áreas de empréstimo pessoal, consignado, financiamento ao varejo, de veículos e cartões de crédito, serviços imobiliários e de credenciamento dos lojistas, registrando transações feitas com cartões de crédito e de débito.

Beneficiário

Indivíduo que usufrui ou recebe algum benefício; favorecido, beneficiado. Pessoa Física ou Jurídica que contrata um seguro e é indenizada em caso de acidente.

BM&F BOVESPA

A Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros é uma instituição brasileira que negocia títulos, valores mobiliários, contratos de mercadorias. Além de realizar serviços de compensação e liquidação de operações financeiras, ou seja, pagamento ou recebimento do montante financeiro envolvido na transação. Realiza a intermediação de negócios entre empresas e investidores.

Boa Vista SCPC

Serviço Central de Proteção ao Crédito brasileiro administrado pela Boa Vista Serviços, que administra um banco de dados com informações comerciais e cadastrais de empresas e consumidores. Registra o histórico de pagamentos e dívidas, oferece dicas de educação financeira e parcerias para negociação de débitos.

Bradesco

Banco brasileiro que oferece investimentos, seguros, empréstimos e financiamentos, cartões de crédito e conta corrente. Há também a Fundação Bradesco, um programa educacional com foco na capacitação de jovens para, mais tarde, atuarem dentro de agências do banco.

Bureau de Crédito

Bureau" é um termo francês que significa escritório, repartição, agência. São estabelecimentos ou profissionais que realizam a análise de crédito, ou seja, avaliam o histórico financeiro do devedor, o nível de endividamento e de inadimplência, para saber se o perfil se enquadra nas políticas de concessão de determinada empresa.

BV Financeira

Marca brasileira de varejo do Banco Votorantim. Atua principalmente no segmento de financiamento de veículos, assim como oferece cartão de crédito, empréstimo com imóvel em garantia, seguros, empréstimo pessoal e consignado.

⬆️ Voltar para índice

Letra C

Confira os principais termos com a letra C.

Cadastro Positivo

Política pública em processo de aprovação no Brasil e mantida por instituições de crédito, como SPC e Serasa. Serve para registrar o histórico de crédito de pessoas físicas ou jurídicas por meio de banco de dados com informações de pagamentos. O consumidor pode se cadastrar de forma voluntária.

Cadin

Sigla para Cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Público Federal. É um banco de dados que reúne pessoas físicas e jurídicas endividadas em instituições federais e que estão inadimplentes. Essas informações servem de base para a realização de diversas análises, como para concessão de crédito e incentivo fiscal. Além de ser útil para a avaliação de acordos e contratos.

Caducidade

Estado de caduquez, decadência. Em Direito, representa o estado ineficaz e já sem validade em que se encontra o ato jurídico depois de determinado acontecimento. Fala-se em caducidade também quando um titular perde um direito por vencimento, decisão judicial ou a atos próprios, como renúncia ou inércia.

Caixa Econômica Federal (CEF)

Instituição financeira e empresa pública do governo federal brasileiro vinculada ao Ministério da Fazenda, considerada pessoa jurídica autônoma. Conta com patrimônio próprio, realizando serviços bancários autorizados pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). Auxilia na política de crédito do Governo Federal e submete-se à fiscalização do Banco Central do Brasil. As contas e operações são julgadas e analisadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

Capital de Giro

Soma de recursos financeiros para a manutenção de uma empresa, que inclui valores aplicados em caixa, no banco, para a compra de estoque e recebimento dos clientes. Serve, ainda, para pagar tributos, salários e reformar o estabelecimento. É usado em qualquer movimentação financeira, ou seja, para tudo que pode ser convertido em dinheiro com rapidez.

Carta de Crédito

É uma modalidade de pagamento relacionada ao consórcio para comprar um bem. Basicamente, ao participar desse financiamento, o consorciado paga parcelas mensais para concorrer às rodadas de sorteio ou lances. Assim que for contemplada, a pessoa recebe a liberação par ter o bem à vista. Esta liberação é chamada de carta de crédito.

Cartão de Crédito

Forma de pagamento eletrônico usado para comprar um produto ou contratar serviços. É um objeto de plástico, com tamanho padrão, que pode ou não conter um chip. Na frente, contém o nome do portador, número do cartão e data de validade. No verso, há um campo para assinatura, o número de segurança e a tarja magnética. Existe um limite de compras para qualquer conta, estabelecido pelo banco emissor, a partir da análise da situação financeira do cliente. O titular do cartão recebe todo mês uma fatura para pagamento referente a todos os gastos acumulados nos 30 dias passados. É possível pagar o total cobrado, apenas o valor mínimo ou uma quantia intermediária. Neste caso o montante é somado à fatura do mês seguinte sob acréscimo de juros.

Cartão de Débito

Forma de pagamento eletrônico em que o valor é descontado diretamente da conta do titular do cartão no ato da compra, à vista. Portanto, só é possível quitar se houver saldo disponível (seja na conta corrente, poupança, PayPal ou outros tipos). Todas as transações são registradas no extrato mensal da conta do consumidor.

Certidão de Débitos Negativos (CND)

Documento emitido por órgãos públicos que comprova a inexistência de pendências financeiras, previdenciárias ou tributárias de Pessoas Físicas e Jurídicas. É requerido em processos licitatórios, como em processos seletivos em empresas, além de necessário para negócios de elevadas quantias em dinheiro, como compra e venda de imóveis, empréstimos e financiamentos no geral. A certidão confirma o bom funcionamento das instituições, de acordo com a Lei, respeitando o pagamento de impostos e direitos trabalhistas de funcionários. Para indivíduos, a emissão deste documento significa que o cidadão não foi citado em processos judiciais ou ausência de dívidas. Sendo que existem alguns tipos de CND: Certidão negativa de débitos da previdência social, certidão conjunta de débitos relativos a tributos federais e certidão negativa de débitos trabalhistas.

CEO

Sigla inglesa para Chief Executive Officer. Significa "Diretor Executivo'' em português. É o nome do cargo com maior autoridade na hierarquia de uma organização. É mais comum em empresas transnacionais, que demandam de uma pessoa com habilidade e competência para gerir a instituição no geral. Inclusive para determinar a visão e a missão da empresa, além de tomar decisões estratégicas para seu crescimento.

Certidão de Objeto e Pé

Documento oficial que descreve em que fase do trâmite (pé) está o objeto de um processo. Também chamada de Certidão Narrativa, Certidão Explicativa, Certidão de esclarecimento ou Certidão de breve relato.

Cheque Cruzado

É uma forma de restringir o modo de pagamento a depósito em conta corrente, sendo que o dinheiro não pode ser resgatado por saque ou por depósito no banco. É uma estratégia muito usada para evitar roubos. Para isso, o pagador deve preencher a folha do cheque corretamente com o valor do pagamento, data e assinatura e, depois, faça dois riscos paralelos na frente do papel, em um dos cantos de cima. Também pode escrever o nome do banco entre as duas marcações, se quiser.

Cheque pré-datado

É uma maneira de pagar um produto ou serviço a prazo. Para isso, o consumidor preenche a folha no dia da compra, mas só será depositada pelo estabelecimento na data registrada no cheque.
Cheque prescrito Cheque apresentado após o prazo de prescrição, ou seja, depois da data de vencimento. Quando isso acontece, mesmo que seja devolvido, não pode ser pago pelo banco, mesmo que com saldo disponível na conta corrente.

CND do Imóvel

Sigla de Certidão Negativa de Débitos. É considerada negativa porque confirma a ausência de pendências financeiras, tributárias ou previdenciárias de empresas e indivíduos. Isto é, que não tem citações em processos judiciais nem dívidas. A CND do imóvel serve para conferir se os impostos foram pagos em dia, como o IPTU. Isso é importante para compra e venda do imóvel ou permutação de bens.

CNH

Sigla para Carteira Nacional de Habilitação, também chamada de carteira de motorista. Documento obrigatório para indivíduos que queiram conduzir veículo automotor. A CNH conta com a divisão de categorias de acordo com o tipo de veículo permitido: A (motocicleta), B (automóvel), C (caminhão), D (ônibus e vans) e E (é a soma das categorias B e C, com unidades acopladas ou reboques e trails. Também é usada como identificação do cidadão, uma vez que conta com o número do RG, CPF e fotografia.

CNPJ

Sigla para Cadastro Nacional de Pessoa Física. É uma identificação, realizada pela Receita Federal, de pessoas físicas (instituições que visam ao lucro) e as equiparadas (pessoas físicas que exploram individualmente atividades com objetivo de lucrar). Devem se inscrever antes de iniciar quaisquer empreendimentos. O CNPJ reúne informações como nome da entidade, data de abertura, atividade econômica, natureza jurídica.

Concomitante

Duas ou mais ações que acontecem ao mesmo tempo, que são coexistentes, simultâneos. Pode referir-se também a operações ou prestações concomitantes, ou seja, que ocorrem simultaneamente.
Comparador de Crédito Plataforma online que disponibiliza comparação das condições de pagamento de diferentes modalidades de crédito e instituições financeiras. A partir do valor solicitado pelo consumidor, são estimadas as taxas de juros, o prazo de pagamento e o saldo devedor final.

Consórcio

É uma modalidade de financiamento, em conjunto, para quem quer comprar um bem ou contratar serviços. Nessa modalidade um grupo de pessoas, físicas ou jurídicas, se reúne para adquirir um produto. Uma empresa é responsável por administrar e viabilizar o financiamento. O valor total do bem é dividido em inúmeras parcelas. Mensalmente, cada consorciado paga uma prestação. Parte do dinheiro oferecido por cada um é destinado ao chamado fundo comum e este é usado pela administradora para comprar a propriedade. Todo mês, por meio de um sorteio ou lances, um consorciado é contemplado e recebe a liberação para ter o bem à vista, chamada de carta de crédito.

Construcard

Linha de crédito da Caixa Econômica destinada à compra de material de construção em lojas credenciadas à instituição financeira. O financiamento conta com um cartão de crédito com o prazo de 6 meses para realizar as compras. O pagamento é realizado em débito automático da conta-corrente.

Consultoria Financeira

Serviço oferecido por companhias ou profissionais autônomos, especialistas em finanças, a pessoas que procuram ajudam para organização financeira. Nesse processo, são analisadas as contas, gastos e ganhos do cliente e identificadas falhas no uso do dinheiro, para então definir as melhores estratégias para solucioná-las.

Cooperativa de Crédito

Instituição financeira supervisionada e autorizada pelo Banco Central, sem fins lucrativos, formada pela associação de pessoas para prestar serviços financeiros exclusivamente aos seus próprios associados. Os cooperados não só usufruem de produtos e serviços, mas participam da gestão, sendo que todos têm o mesmo poder de voto, e têm acesso a condições mais favoráveis do que em outras empresas. É possível encontrar serviços bancários, como conta-corrente, cartão de crédito, empréstimos e financiamentos. A adesão é livre e voluntária. Qualquer ganho, ou seja, valor que sobra no fim do mês, é dividido entre os cooperados de acordo com os serviços usufruídos. Eventuais perdas funcionam da mesma forma.

Copom

Sigla para Comitê de Política Monetária. Órgão decisório da política monetária do Banco Central do Brasil (BCB) com a função de estabelecer a meta da Taxa Selic (taxa basica de juros da economia). O evento acontece a cada 44 dias desde 2006 e é dividido em dois dias de reunião.

Correspondente Bancário

Empresa não bancária (pessoa jurídica) responsável por mediar instituições financeiras e clientes. Essas empresas realizam operações de crédito e outros serviços, em nome de um banco, e podem estar conveniadas a mais de uma companhia. O principal objetivo é levar serviços financeiros à maior parte da população, estendendo a lugares distantes dos grandes centros.

CPF

Sigla para Cadastro Nacional de Pessoa Física. É um cadastro e documento de pessoas físicas composto por 11 números. É emitido pela Receita Federal que serve para identificar contribuintes.

Creditas

Empresa brasileira e plataforma digital de crédito. A Creditas é pioneira em empréstimo com garantia de imóvel e de veículo, com recursos tanto de investidores institucionais quanto de instituições financeiras. Tem a missão de reduzir os juros e, para isso, combina tecnologia e inteligência de dados para gerar um modelo de negócio eficiente, por isso chamado de fintech. Atua no Brasil como correspondente bancário, em parceria com alguns bancos brasileiros.

Crédito

Crença, confiança no outro; boa reputação. Em finanças, ''crédito'' significa prover a alguém recursos financeiros para este pagar despesas, investir ou financiar. Em troca, o tomador deve devolver o valor ao credor, sob a condição de acréscimo de taxas de juros, remuneração cobrada pelo uso do dinheiro no tempo decorrido até saldar a quantia integral.

Crédito Direcionado

Crédito concedido com recursos destinados a uma finalidade específica, determinada por meio de um contrato, sendo que o contratante não pode usar para outros fins. Exemplo: financiamento imobiliário.

Crédito Livre

Contratos de financiamentos e empréstimos com taxas de juros livremente definida entre instituições financeiras e contratantes. Os recursos podem ser usados para quaisquer finalidades pelo devedor, não necessariamente especificadas em contrato.

Crédito pré-aprovado

Crédito concedido a partir de análise de crédito prévia. Ou seja, instituições financeiras avaliam o perfil do consumidor para, então, liberar o dinheiro na sua conta.

Crédito Rotativo

Modalidade de pagamento do cartão de crédito, em que é quitada apenas parte da fatura mensal. Existem dois tipos: o rotativo regular e o não-regular. No primeiro, paga-se entre a quantia mínima e a intermediária, porcentagens determinadas pela empresa credora. O restante da fatura é adicionado na conta do mês seguinte, corrigido com juros. No segundo caso, quem não quitou nada da fatura, entra no rotativo-não regular, com condições de pagamento ainda menos vantajosas. Essa linha de crédito é limitada e dura até 30 dias, passado esse tempo, o consumidor deve pagar integralmente a conta ou parcelar com juros menores.

Crefisa

Empresa que concede empréstimo pessoal a servidores públicos, aposentados e pensionistas do INSS, sem consulta ao SPC/Serasa.

Custo Efetivo Total (CET)

Taxa que representa soma de todos os encargos, taxas e custos envolvidos em uma operação de crédito e de arrendamento mercantil financeiro concedidas a pessoas físicas, microempresas e empresas de pequeno porte. Representa basicamente o valor final (real) da sua dívida com a instituição financeira. Deve ser detalhado previamente à contratação do crédito e necessariamente precisa constar no contrato, assim como quaisquer custos adicionais. Dentre as principais despesas, geralmente, cobradas estão: taxas de juros, taxas de análise de crédito, TAC – Tarifa de Abertura de Cadastro, IOF (Imposto sobre Operação Financeira), taxas administrativas em geral, seguros em geral.

Custos Fixos

No campo de finanças pessoais, custos fixos são aqueles que aparecem sempre com a mesma frequência e que não podem ser evitados pelo consumidor, como impostos, aluguel, mensalidade escolar. Por outro lado, também pode ser aquele gasto que além de ocorrer todo mês, tem sempre o mesmo valor. No caso de uma empresa, é aquele custo que independe do nível de atividade; não sofre variação em caso de aumento ou diminuição da produção. Exemplo: limpeza, aluguel, segurança.

Custos Variáveis

No campo das finanças pessoais, são todos os custos que não aparecem com a mesma frequência todo mês e que o consumidor consegue cortar, como idas a restaurante, compra de roupas. Por outro lado, também pode ser aquele gasto que além de não acontecer com a mesma periodicidade, não tem sempre o mesmo valor. No caso de uma empresa são os custos que variam de acordo com a produção ou com a quantidade de trabalho. Exemplo: matéria prima, comissão de venda.

⬆️ Voltar para índice

Letra D

Confira os principais termos com a letra D.

Deflação

Inverso à inflação. Efeito de pausar a inflação com medidas monetárias ou financeiras. São várias as causas desse processo: redução da circulação de moeda, aumento da oferta e diminuição da procura, controle de preços, etc. Redução prolongada do índice de preços, sendo, ainda, diferente da desinflação. Esta última apenas reduz o ritmo do aumento de preços. Por exemplo, quando a inflação cai de 7% ao mês para 4%.

Depreciação

Desvalorização; desqualificação; perda de valor financeiro. Representa a redução da qualidade, do preço de um bem, devido ao seu uso, seja por obsolescência ou desgaste natural.

Detran

Sigla para Departamento Estadual de Trânsito. Órgão responsável por administrar e fiscalizar a formação de seus condutores. Tem a função de coordenar e controlar tudo que é relacionado à habilitação de motoristas, como documentação e serviços dos veículos. Por outro lado, não é da competência dessa instituição fiscalizar infrações de trânsito, multas ou denúncias.

Digio

Cartão de crédito internacional sem anuidade, de bandeira Visa, do Banco CBSS, administrado pela holding Elopar. É totalmente gerenciado por aplicativo de celular e não é necessário ter conta no banco, nem comprovante de residência. Só podem solicitar o produto pessoas de no mínimo 18 anos. O consumidor passa por uma análise de crédito antes de receber o cartão. Se aprovado, o objeto físico chega em até 15 dias úteis.

Dívida Ativa

Cadastro do governo federal, estadual e municipal que reúne informações de todas as Pessoas Físicas e Jurídicas endividadas com aquela esfera do Estado. A Procuradoria Geral é responsável por incluir um contribuinte no cadastro de acordo com aviso das instituições financeiras, além de tomar as medidas legais para a cobrança e por emitir a Certidão de Dívida Ativa.

Dívida Líquida

É um conceito relacionado à contabilidade das empresas. Basicamente, dívida líquida é o valor dos empréstimos menos a quantia total diponível em caixa, ou seja, conta corrente, títulos e tudo que pode ser transformado em dinheiro rapidamente. Então, é quanto a empresa precisa para zerar as obrigações financeiras.

DOC - Documento de Ordem de Crédito

Serviço regulamentado pelo Banco Central, forma de pagamento e de transferir dinheiro entre contas bancárias de diferentes instituições financeiras. Alguns bancos podem cobrar uma taxa fixa para cada DOC ou o valor pode estar incluído na tarifa mensal de manutenção de conta. A quantia limite da transferência é de 3000 e o dinheiro é creditado apenas no dia seguinte. Isso porque passa pelo sistema de compensação bancária do banco da pessoa que pagou.

DPVAT

Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres, conhecido como Seguro Obrigatório pela lei (6.194/74). O serviço deve ser pago anualmente junto da primeira parcela do IPVA (ou na Cota Única). Esse seguro garante a indenização de acidentes de trânsito que resultam em morte ou invalidez permanente, além de reembolsar despesas médicas e hospitalares. Deste valor, 45% é direcionado para o Ministério da Saúde, para custear o atendimento. A Seguradora Líder é responsável por administrar o DPVAT.

⬆️ Voltar para índice

Letra E

Confira os principais termos com a letra E.

Easynvest

Instituição financeira que oferece investimentos, integrando o próprio sistema ao Tesouro Direto. É considerada, então, uma Agente de Custódia Integrado. Os investidores podem comprar e vender títulos e consultar o extrato bancário em um portal, por meio de um cadastro.

eCred

Plataforma online e gratuita do Serasa Consumidor que compara modalidades de crédito e condições de pagamento entre instituições. Também permite a contratação do empréstimo escolhido.

Educação Financeira

Processo de aprendizagem sobre finanças, em que as pessoas passam a se informar sobre como usar o dinheiro a seu favor e fazer escolhas mais conscientes. Além de ser uma oportunidade para saber analisar riscos e benefícios de uma compra, como ela impacta o orçamento, como planejar o futuro financeiro e, principalmente, para aprender a valorizar o dinheiro. Existem inúmeras maneiras de ganhar esse conhecimento, seja lendo jornais, blogs, revistas, assistindo vídeos didáticos ou fazendo cursos online.

Empréstimo

Ato de emprestar; aquilo que é emprestado. Contrato realizado entre uma Pessoa Física ou Jurídica e uma instituição financeira para receber uma quantia de dinheiro, a ser devolvida em prazo determinado, acrescida de juros e encargos. Esta modalidade é chamada de crédito livre, ou seja, os recursos concedidos podem ser destinados para qualquer finalidade.

Empréstimo com Garantia

Modalidade de crédito livre, ou seja, não vinculada a uma finalidade específica. É chamado de empréstimo com garantia porque o consumidor assegura o pagamento com um bem (veículo ou imóvel) que pode ser usado normalmente durante a operação. Esse procedimento é chamado de alienação fiduciária. A garantia serve para se conseguir taxas de juros reduzidas e prazos longos, uma vez que o risco de inadimplência é pequeno. Essa linha também concede valores bem elevados e, por isso, costuma ser contratada para realizar projetos caros, como abrir um negócio, reformar a casa, pagar o casamento.

Empréstimo Consignado

Modalidade de crédito destinada a aposentados e pensionistas do INSS, trabalhadores assalariados de empresas privadas e servidores públicos. O pagamento é realizado de forma indireta: as parcelas, acrescidas de juros e encargos, são descontadas automatica e diretamente da folha de pagamento ou benefício do INSS. A Pessoa Física pode comprometer no máximo 35% da renda mensal para quitar essa dívida - sendo 30% para empréstimo e 5% em saque no cartão de crédito consignado. Como é um crédito livre pode ser usado para qualquer finalidade.

Empréstimo Pessoal

Modalidade de crédito livre, ou seja, não vinculada a uma finalidade específica, destinado a Pessoas Físicas relacionadas com o sistema financeiro e seus serviços (cheque, cartão de crédito, conta corrente, etc). É oferecido por bancos, financeiras e fintechs. O consumidor passa por uma análise de crédito para garantir que tem condições de arcar com o pagamento.

Endividado

Que tem dívidas a pagar, ou seja, solicitou um dinheiro emprestado. Pessoa Física ou Juridíca com parcelas de uma dívida a vencer.

Escritura

Documento que registra a efetivação de um negócio, por meio da manifestação de ambas as partes. É necessário elaborar uma escritura para venda, compra, usufruto e até doação de imóvel, emancipação de menor, etc.

Execução Fiscal

Lei nº 6.830/80, conhecida como Lei de Execução Fiscal. Em caso de não pagamento da Dívida Ativa do governo, essa lei permite que o Estado tome os bens do devedor para quitar a dívida pendente. Isso é válido para as três esferas do governo (federal, estadual e municipal) e foi criada para estabelecer um procedimento padronizado para ações de execução de valores devidos. Estabelece os termos sob os quais um bem pode ser tomado de um contribuinte. Também estipula a ordem que a penhora vai obedecer ao ir atrás de uma posse do devedor. E pode ser consequência da inadimplência tanto de tributos (impostos, taxas) quanto de não tributos (multas, rompimento de contratos).

⬆️ Voltar para índice

Newsletter

Exponencial

Assine a newsletter e fique por dentro de todas as nossas novidades.

Nome
E-mail

Ao assinar a newsletter, declaro que concordo com a Política de privacidade da Creditas.

Publicações recentes

Me explica Creditas

Dígito da conta: o que é, para que serve e como encontrá-lo