• Simule seu crédito

    Simule seu crédito

    • Empréstimo com veículo em garantia
    • Empréstimo com imóvel em garantia
    • Empréstimo consignado
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Soluções

    Soluções

    • Imóveis

    • Reforma
    • Venda
    • Carros

    • Financiamento de carros
    • Loja de carros
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Benefícios corporativos

    Empresas

    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Ajuda
Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Atração e Retenção
  • Benefícios flexíveis
  • Employer branding
  • Educação financeira
  • Departamento pessoal
  • Na mídia
  1. Home

  2. Employer Branding

Employer Branding

Como implementar práticas ESG através de benefícios flexíveis

Diversos benefícios flexíveis ajudam na hora de implementar práticas ESG nas empresas - até mesmo a educação financeira. Entenda como no texto de hoje!

por Redação @Work

Atualizado em 18 de maio, 2022

Quer saber tudo sobre como implementar práticas ESG na sua empresa? Então você está no lugar certo. Nesta matéria, você encontra tudo que precisa saber sobre como usar os benefícios flexíveis como forma de implementar essas práticas.

A preocupação em implementar práticas ESG, cada vez mais, tem se tornado uma prioridade para empresas no mundo todo. Investidores, acionistas, funcionários e a opinião pública estão em jogo quando o assunto é a adequação das marcas a essa realidade sustentável - tanto para o meio ambiente, quanto para os processos da própria empresa, internamente ou em relação à sociedade.

Seja por meio de uma equipe própria designada pelo RH, ou até mesmo pelos próprios responsáveis por essa área, as ações ESG para empresas acabam tomando forma aos poucos - é preciso tempo para criar-se uma nova cultura, um novo jeito de ser.

Nessa etapa, quando se começa a desenhar e implementar práticas ESG, todo insight é válido - afinal, por vezes o RH pode encontrar entraves ou dificuldades em encontrar ações que impulsionam essas práticas.

Neste sentido, para garantir boas ações ESG para as empresas, é preciso pensar em todas as áreas possíveis - e a educação financeira pode ser uma ótima forma de ajudar a implementar práticas ESG.

Quer entender como? Siga no texto e confira!

Parâmetros ESG

Vale recordar, antes de mais nada, que ESG é muito mais do que “apenas” ações voltadas à sustentabilidade. Quando  atrelamos o termo “sustentabilidade” à sigla, referimo-nos à sustentabilidade em todas as áreas que envolvem a empresa: tanto da esfera ambiental, quanto em níveis organizacionais e de relação interna (com os funcionários) e externa (com a sociedade que rodeia a empresa).

Leia Mais: ESG para todas as empresas - como colocar em prática de verdade?

Dessa forma, temos:

  • E - Ações relacionadas ao uso sustentável de materiais naturais e demais ações atreladas à proteção do meio ambiente, de acordo com o nicho de cada empresa.
  • S - Ações relacionadas ao dia a dia e qualidade de vida dos funcionários, garantindo boas condições de trabalho, respeito aos direitos humanos e muitas outras ações. Também pode se relacionar com ações sociais lideradas pelas empresas, voltadas para a comunidade em que está inserida - como oferecimento de cursos técnicos gratuitos, por exemplo.
  • G - Ações relacionadas à governança das empresas, prezando pela transparência, justiça e soberania dos conselhos administrativos.

É válido recordar, também, que além das ações ESG serem adaptáveis para cada organização,  elas normalmente possuem uma via de mão dupla: as ações ofertadas pelas empresas, de certa forma e em algum grau, geram frutos que a própria organização também colherá.

Os Benefícios Flexíveis 

Como você já pode imaginar, os benefícios flexíveis podem abrir caminhos para que inúmeros objetivos de cada pilar das ações ESG para empresas sejam alcançados.

Em outras palavras, a oferta de benefícios, além dos obrigatórios por lei, criam uma rede de conforto e proteção que gera qualidade de vida para o funcionário, criando a sensação de pertencimento e unidade dentro da empresa. Assim, com a sinergia em alta, fica muito mais fácil construir equipes unidas e focadas em boas ações ESG para empresas, que trarão benefícios para todos.

É aqui que entra a Educação Financeira nas empresas - mas, como, de fato, ela influencia positivamente na hora de implementar práticas ESG?

Qual o papel da Educação Financeira na implementação de ações ESG?

O benefício de Educação Financeira nas empresas parte de um princípio estatístico básico: funcionários endividados ou com problemas financeiros apresentam dificuldades no trabalho e queda de produtividade. Além disso, estão mais dispostos a sobrecarregarem sua rotina aceitando mais de um emprego, até mesmo solicitando demissão.

É papel do RH garantir que a vida financeira do seu colaborador seja equilibrada e saudável. Os benefícios que o funcionário terá serão, então, refletidos no ambiente de trabalho.

Ações de Educação Financeira nas empresas podem se dar em diversos formatos, como palestras, aulas, auxílios em antecipação de salário e crédito consignado, enfim. Seja atuando na prevenção quanto numa solução efetiva que o ajude a sair do sufoco, ações de educação financeira nas empresas impactam profunda e positivamente tanto a vida pessoal do colaborador quanto todo o ambiente de trabalho. 

É aí que entra o grande potencial da educação financeira na hora de implementar práticas ESG. Para compreender melhor, vamos desmembrar, novamente, as três letras da sigla.

E - Environmental 

As ações de Educação Financeira nas empresas convidam o colaborador a criar uma relação mais saudável com o seu salário, evitando apertos e, principalmente, dívidas indesejadas que acabam virando uma bola de neve. Isso pode se dar por várias formas: incentivando o planejamento financeiro, oferecendo crédito a valores abaixo do mercado e, principalmente, estimulando o consumo consciente.

O consumo consciente preza pelo consumo apenas daquilo que realmente é uma necessidade indispensável no momento, evitando gastos com produtos que não terão utilidade imediata.

Esse estímulo não apenas contribuiu para a economia dos colaboradores, mas ajuda a controlar o consumo, o que significa menos plástico, menos embalagens, menos desperdício. Pode parecer simples e, de fato, é. Mas, ampliado à escala de todos os funcionários da empresa, haverá um impacto significativo na economia de recursos naturais no ambiente do trabalho e no consumo na família de cada um dos colaboradores.

S - Social

Outro benefício das ações de Educação Financeira nas empresas é justamente assegurar que o funcionário não se endivide. Você quer um benefício social melhor do que esse?

Colaboradores com a saúde financeira em dia possuem mais qualidade de vida, conseguem organizar as finanças para satisfazer todas as suas necessidades enquanto cidadãos. A qualidade de vida pessoal é espelhada no trabalho por meio de mais foco, mais inovação e mais satisfação com o emprego. 

Isso é, além de uma vida financeira impactar socialmente no dia a dia da comunidade de colaboradores, também é considerada uma ação social dentro do ESG por oferecer resultados igualmente positivos no clima organizacional, nas condições de trabalho e na garantia do cumprimento dos direitos humanos.

G - Governance 

Por fim, funcionários satisfeitos com a vida pessoal e, principalmente, com o emprego, possuem uma abertura maior para o diálogo - e o diálogo é essencial para boas estratégias de Governança, o terceiro pilar do ESG.

Afinal de contas, se você possui uma equipe desinteressada, altamente dispersa e insatisfeita, a governança por si só, isolada, terá pouco espaço para surtir efeito.

Assegurar essa ótima sinergia entre equipes é fundamental para que se tenha um ambiente saudável e fértil, onde cresçam frutos para todos.

Conheça a primeira carteira de benefícios do RH

Viu só como um grupo simples de ações pode resultar em um impacto positivo enorme? 

Além das estratégias de Educação Financeira ajudar a implementar ações ESG nas empresas, diversos outros benefícios flexíveis também te ajudam a alcançar o mesmo objetivo.

É por isso que a Creditas @Work desenvolveu a primeira carteira de benefícios flexíveis para o RH. São diversos benefícios que oferecem uma ampla cobertura para o funcionário, englobando auxílios financeiros (como antecipação de salário e crédito consignado), além de seguros saúde e vida, cartão de benefícios (para vale refeição, alimentação, home office e, futuramente, vale cultura), previdência privada e outras soluções que garantem a qualidade de vida do colaborador - estimulando a produtividade, a manutenção do clima organizacional e a implementação práticas ESG realmente efetivas.

E o melhor: todos os benefícios gerenciados por nós - um único fornecedor, da saúde ao financeiro, para que você foque no que realmente importa para o RH: a gestão de pessoas com qualidade e excelência.

Conheça mais sobre a primeira carteira de benefícios do RH.

Se o conteúdo desta matéria faz diferença para seus próximos projetos, saiba que o RH Estratégico tem tudo que você precisa para otimizar processos e alcançar melhores resultados.

Newsletter

RH Estratégico

Assine a newsletter e fique por dentro de todas as nossas novidades.

Nome
E-mail

Ao assinar a newsletter, declaro que concordo com a Política de privacidade da Creditas.

Publicações recentes

Departamento pessoal

Diversidade no trabalho: o que é e qual a sua importância