• Simule seu crédito

    Simule seu crédito

    • Empréstimo com veículo em garantia
    • Empréstimo com imóvel em garantia
    • Empréstimo consignado
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Soluções

    Soluções

    • Imóveis
    • Reforma
    • Venda
    • Troca
    • Carros

    • Financiamento de carros
    • Loja de carros
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Store

    Store

    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Empresas
  • Ajuda
Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Controle financeiro
  • Realizando sonhos
  • Saia do Vermelho
  • Me explica Creditas
  • Tudo sobre Crédito
  • Meu negócio
  1. Home

  2. Saia do vermelho

Saia do vermelho

Consulta IPVA: como e por que fazer

por Portal Exponencial

Atualizado em 11 de fevereiro, 2021

Se você tem carro próprio deve saber que todo ano precisa pagar o IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores). Metade do valor vai para o município onde o veículo foi emplacado e a outra parte para os cofres públicos do estado para ser investido em saúde e educação. Mas, nem sempre o contribuinte sabe onde realizar a consulta IPVA para poder pagar.

Hoje em dia você pode acessar o valor, pagar e verificar outros débitos do veículo pela internet. É muito simples fazer isso e não necessariamente você precisa esperar chegar a carta do governo com a cobrança. Até porque, ao quitar com antecedência é possível conseguir um desconto.

Por quê consultar o IPVA?

Afinal, se ficar inadimplente no IPVA, você pode até entrar na dívida ativa do governo. Esse é um tipo de cadastro que reúne todas as informações das pessoas com algum tipo de dívida em esfera municipal, estadual e federal. Em caso de atraso, além de pagar o valor inicial do imposto, você encara juros e multas.

Isso pode gerar uma série de restrições na hora de pegar empréstimo ou fazer um parcelamento de uma conta, por exemplo. O débito também poderá dificultar a venda do carro, pois é raro encontrar quem aceite assumir as dívidas do veículo. Por isso, é recomendado que você esteja sempre atento às cobranças e evite passar do prazo.  

Sem contar que, ao fazer consulta IPVA você tem acesso às últimas multas de trânsito. E como está a situação do seu automóvel com relação a outros compromissos, como licenciamento.

Pode, ainda, ser encaminhado para a lista de maus pagadores dos órgãos de proteção ao crédito, como Serasa, SPC ou SCPC. Isso gera restrição na hora de conseguir empréstimos.

No caso do estado de São Paulo, especificamente, é ainda mais importante verificar o IPVA pela internet. Isso porque, a partir do início de 2018, a cobrança não chega mais na sua casa pelo correio, para eliminar o risco de extravio das correspondências e reduzir os gastos com papéis.

Como realizar consulta IPVA

Para facilitar sua vida, disponibilizamos os links direcionando para o site do Detran ou da Secretaria da Fazenda de cada estado para fazer a consulta IPVA:

[table id=15 /]

Nos sites acima você se informa de quanto precisa pagar e, em caso de parcelamento, verificar as parcelas restantes. Isso garante também que não esqueça de nenhum débito - e se isso acontecer é possível quitar, mesmo com as consequências do atraso.

Como pagar

Você pode verificar o valor do imposto e o prazo de pagamento de maneiras diferentes:

  • entrar no site da Secretaria da Fazenda do seu estado e inserir a placa do veículo, número do Renavam (presente no documento), o documento do carro em si ou chassi. Isso varia de um estado para outro.

Veja onde o Renavam pode ser encontrado no documento:

Onde fica o Renavam no documento

  • também pode fazer isso no Detran
  • checar no banco onde você tem conta (pela internet, nos terminais de autoatendimento ou diretamente nas agências). Inclusive, pode realizar o pagamento.

Existem datas limites diferentes de acordo com o número final de cada placa. Os municípios costumam oferecer desconto para quem paga o valor integral e com antecedência. Como acontece, por exemplo, em São Paulo.

Mas, se você não conseguir quitar tudo de uma só vez, pode optar pelos Programas de Parcelamento do governo.

Também é muito importante manter o licenciamento em dia. Basicamente isso valida seu documento e que seu carro está dentro das normas para transitar. Até porque, se você quiser vender ou alienar o veículo, precisa manter os papéis atualizados.

Newsletter

Exponencial

Assine a newsletter e fique por dentro de todas as nossas novidades.

Nome
E-mail

Ao assinar a newsletter, declaro que concordo com a Política de privacidade da Creditas.

Publicações recentes

Meu negócio

Como fazer declaração do MEI: passo a passo

4 minutos de leitura