Revolucionando o empréstimo no Brasil
Use seu carro como garantia de novas conquistas
Use seu carro como garantia de novas conquistas
Finanças

Juros simples e composto: entenda como funcionam e aprenda a calcular

Entender sobre juros simples e composto pode ajudar a organizar sua vida financeira, além de ser útil na hora de fechar um contrato de empréstimo. Entenda a diferença entre eles e descubra como calcular
Escrito por Portal Exponencial em 01.02.2017 | Atualizado em 24.07.2020
  • 2 Likes

Juros simples e composto. Quem não se lembra de sentir um leve arrepio quando o professor de matemática ensinou sobre isso na escola?

Saiba que aprender como calcular os tipos de juros não é um bicho de sete cabeças. E mais: é fundamental para quem quer acompanhar de perto as finanças, planejar pagamentos, entender sobre rendimentos e descobrir exatamente para onde vai o seu dinheiro. Vamos lá?

O que é juros simples e composto?

Antes de entender melhor sobre juro simples e composto você precisa saber o que são os juros. 

Por definição, juros significa um montante (quantia de dinheiro) a mais normalmente aplicado em algumas operações financeira. Ou se paga juros (ao fazer um empréstimo, por exemplo) ou se recebe juros (ao fazer um investimento).

Por exemplo, ao atrasar o pagamento de uma conta são cobrados juros pelo atraso, isto é, um valor a mais do que o que consta no boleto. Esse valor serve para compensar o período em que alguém arcou com o prejuízo da ausência de pagamento. 

Em tese, quando uma conta fica em atraso, o credor além de não receber por um produto ou serviço que já foi fornecido deixa de ganhar dinheiro que poderia lucrar ao investir.

Já ao fazer um investimento você recebe juros (rendimentos) em troca de ter emprestado o seu dinheiro a uma instituição financeira ou a uma empresa, caso compre ações na bolsa de valores. 

Para cada operação de crédito, empréstimo ou investimento, uma taxa de juros diferente é aplicada. Por exemplo, os juros do rotativo do cartão de crédito são muito diferentes dos juros de um empréstimo com garantia

Quando se trata de investimentos, os juros pagos a quem coloca seu dinheiro na poupança são absolutamente diferentes dos recebidos por quem investe em uma ação negociada na bolsa. 

Agora que você já sabe o que são juros, pode entender melhor a importância do conceito de juro simples e composto e a diferença entre os dois tipos. Confira:

Qual a diferença entre juros simples e juros compostos?

A diferença mais relevante entre os juros simples e composto é o tempo. Nas operações financeiras baseadas em juros simples o tempo não é muito importante, já que o valor final pago será o mesmo independentemente do prazo. 

Já quando os juros compostos são aplicados na transação o prazo faz toda a diferença. Quanto maior o tempo para quitação de um empréstimo, por exemplo, mais juros serão pagos, já que a taxa é calculada em cima do acumulado da dívida.

Abaixo, ao detalharmos como calcular juros simples e composto, a influência do tempo ficará mais clara. Confira. 

Fórmula de juros simples e composto

Para calcular corretamente os juros simples e compostos, você precisa conhecer as fórmulas matemáticas.  

 

  • Juros simples 

 

São calculados tendo o valor da dívida e a primeira prestação como base. Desta forma, o valor dos juros não muda, ele sempre será baseado no valor total da dívida quando ainda não havia sido pago a primeira parcela.

Abaixo, alguns exercícios de juros simples e composto para deixar mais claro como fazer os cálculos.

A fórmula para calcular juros simples é:

J (juros) = C (capital) x I (taxa de juros)/100  x T (tempo)

Assim, se você fizer um empréstimo de R$ 900 reais para ser quitado em seis meses a uma taxa de juros simples de 5% ao mês, você terá:

J = 900 x  5/100 x 6 = 270 reais 

Isso significa que ao final de seis meses o valor total gasto com o empréstimo será de 1 170 reais (900 reais do capital emprestado + 270 reais dos juros). 

 

  • Juros compostos

 

Aqui o cálculo muda. Você paga juros em cima do acumulado da dívida, o montante. Trata-se do “ juro sobre juro”. 

A fórmula para calcular juros compostos é a seguinte:

M = C x (1 + I/100)

M = montate / C = Capital / I = Taxa de juros / T = Tempo de aplicação

 

Dessa forma, se você fizer um financiamento de 50 000 reais para pagar em dois anos a uma taxa anual de 12%, terá:

M = 50.000 x (1 + 12/100) 2 

M = 50.000 x 1,2544 = 62 720 reais

Ou seja, ao final de 24 meses você terá pago os 50 mil que pegou emprestado + 12 720 reais de juros).

Juros simples ou compostos: qual é aplicado em empréstimos?

O contrato de empréstimo, independente da linha, trabalha com juros compostos. Trata-se de juros cobrados sobre juros. 

No passado, os juros simples costumam ser utilizados em operações com prazo mais curto. Contudo, mesmo assim, eram poucas as operações que optavam pelo regime de juros simples. Atualmente, o sistema financeiro utiliza apenas juros compostos.

Portanto, se você solicitar um empréstimo no banco ou com alguma instituição financeira, saiba que estará pagando juros compostos. Ainda assim, existem modalidades de empréstimo com juros baixos, como as que você deixa um bem como garantia: o refinanciamento de imóveis, refinanciamento de veículos e o empréstimo consignado estão entre as modalidades mais comuns.

É possível descobrir o valor ou o número de parcelas para o seu crédito em diferentes modalidades utilizando o simulador de empréstimo. Basta colocar o valor de interesse e completar um dos outros campos disponíveis: o número de meses ou o valor da parcela que deseja pagar.

Leia também: Calculadora de empréstimo: aprenda a calcular juros, taxas e prazos

Agora que você já sabe tudo sobre juros simples e composto e entendeu a importância de fazer esse cálculo para administrar melhor seu dinheiro, compartilhe essa informação com seus amigos!

Receba conteúdos exclusivos
Não perca nenhuma novidade, assine nossa newsletter.
Carregando...
  • 2 Likes
Tags
  • Taxa de Juros
Portal Exponencial

Escrito por Portal Exponencial

Portal Exponencial

Comentários [1]

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Wellington Patrick Amorim Sá
Wellington Patrick Amorim Sá
disse:
Boa noite eu gostaria de saber mais presciso de 5,000 meu nome está limpo mais nao tenho a pontuação trabalho com carteira assinada meu cpf 336.513.198-14 meu fone 11 95190-9550
18.05.2017
às 22:17
Time Creditas
Time Creditas
disse:
Olá Welligton, Nós da Creditas trabalhamos apenas com as modalidades de empréstimo com garantia de imóvel e automóvel. Qualquer coisa pode entrar em nosso site www.creditas.com.br
27.06.2017
às 19:41

Comentário enviado com sucesso!
Erro ao enviar comentário. Por favor, tente novamente.
Revolucionando o empréstimo no Brasil

Quem somos

As transformações do mundo exigem cada vez mais de nós. Mais funções, mais responsabilidades, mais conhecimento. Mais, mais e mais. Mas o que Creditas e Exponencial têm a ver com isso?

Somos movidos por fazer a diferença na vida das pessoas. Se vivemos o tempo das informações ilimitadas, é nossa função criar e filtrar diferentes conteúdos aos nossos leitores, para que o conhecimento financeiro deles cresça exponencialmente.

Exponencial. Informação é fonte de crescimento.

A Creditas é uma plataforma digital que atua como correspondente bancário para facilitar o processo de contratação de empréstimos. Como correspondente bancário, seguimos as diretrizes do Banco Central do Brasil, nos termos da Resolução nº. 3.954, de 24 de fevereiro de 2011.

Creditas Soluções Financeiras Ltda. é uma sociedade limitada registrada sob o CNPJ/MF 17.770.708/0001-24, com sede na Av. Engenheiro Luís Carlos Berrini, 105, 12º andar Itaim Bibi, São Paulo – SP, 04571-010