• Simule seu crédito

    Simule seu crédito

    • Empréstimo com veículo em garantia
    • Empréstimo com imóvel em garantia
    • Empréstimo consignado
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Soluções

    Soluções

    • Imóveis

    • Reforma
    • Venda
    • Carros

    • Financiamento de carros
    • Loja de carros
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Benefícios corporativos

    Empresas

    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Ajuda
Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Atração e Retenção
  • Benefícios flexíveis
  • Employer branding
  • Educação financeira
  • Departamento pessoal
  • Na mídia
  1. Home

  2. Benefícios flexíveis

Benefícios flexíveis

Qual a diferença entre vale alimentação e vale refeição? Entenda!

Benefícios comuns e que estão entre os mais valorizados, o VA e o VR contam com algumas diferenças. Veja nesta matéria!

por Marilia Ferro

Atualizado em 7 de novembro, 2022

Que saber qual a diferença entre vale-alimentação e vale-refeição? Então você está no lugar certo. Nesta matéria, você vai entender como funciona cada um e suas vantagens. Acompanhe!

Benefícios comumente oferecidos aos colaboradores e bastante valorizados, o vale-refeição e o vale-alimentação têm similaridades que podem causar confusão em relação à suas funcionalidades. Na prática, são benefícios que se complementam para possibilitar ao funcionário todo o subsídio para uma alimentação saudável. Vamos explicar as diferenças entre eles nos próximos tópicos. Acompanhe!

Para facilitar sua leitura, veja os tópicos que foram abordados nesta matéria:

Creditas Benefícios: a 1ª carteira de benefícios do RH

Para o RH, gerenciamento descomplicado de todos os benefícios corporativos em uma única plataforma. Para os colaboradores, um só aplicativo para gerenciar e aproveitar os benefícios. Tudo em um só lugar e com custo zero para a empresa.

Quero saber mais

Qual a diferença entre vale alimentação e refeição?

O primeiro passo para entender as diferenças é saber o que é o vale refeição e vale alimentação. Abaixo vou explicar isso e a diferença entre eles.

O que é vale refeição?

O vale-refeição é um valor mensal oferecido aos colaboradores para sua alimentação dentro do expediente de trabalho. Pode ser utilizado em estabelecimentos voltados à alimentação pronta, como almoços e jantares por exemplo, e que sejam conveniados com a operadora do benefício.

O benefício é uma alternativa para que as empresas disponibilizem refeições para os colaboradores sem que seja necessário dispor de espaço físico e estrutura para essa finalidade, possibilitando inclusive maior liberdade de escolha para o funcionário.

O que é vale-alimentação?

O vale-alimentação é um aporte financeiro mensal recebido pelo funcionário que é direcionado para a compra de insumos para alimentação em casa, tanto do colaborador quanto de sua família. Nesse caso, os produtos podem ser adquiridos em supermercados, açougues, padarias e outros estabelecimentos voltados à venda de itens de alimentação.

Então qual a diferença entre eles?

Agora que você já sabe o que é cada um deles, já podemos passar para a resposta da diferença entre VA e VR. Basicamente, o VR costuma ser utilizado durante o horário de trabalho, sendo um benefício para o colaborador se alimentar nas horas em que está trabalhando. O VA por outro lado é utilizado principalmente para comprar comida que será consumida em casa, sendo utilizado em redes de supermercados.

Qual é o melhor: vale-refeição ou vale-alimentação?

Nesse caso, é importante avaliar o contexto da empresa e o perfil dos colaboradores, buscando saber qual deles atende melhor às necessidades da maioria das pessoas. Trabalhadores em home office, por exemplo, tendem a escolher o vale-alimentação, já que realiza a maior parte de suas refeições dentro de casa com sua família. Se a jornada for presencial, o vale-refeição pode ser mais atraente.

Porém, a opção mais democrática e que certamente vai gerar mais satisfação entre os colaboradores, sem dúvida, é disponibilizar os dois benefícios – em um único saldo ou não – ou mesmo dividir os benefícios para que o funcionário escolha a melhor opção para sua rotina.

Leia tambémPAT: o que é, como aderir, qual a lei e o que mudou no Programa

Como disponibilizar VA e VR ao colaborador?

Atualmente, a forma mais comum de pagamento desses benefícios é por meio de um cartão exclusivo para essa finalidade, já que a distribuição de cestas básicas ou refeições no local de trabalho demandam estrutura e uma logística um pouco mais complexa.

Por meio do cartão, o colaborador recebe o saldo mensal e utiliza da mesma forma que um cartão de débito ou crédito. Se não utilizado, o valor se acumula para o próximo mês. Além disso, caso sejam fornecidos ambos os benefícios, é possível disponibilizar um só cartão ou com cartões diferentes, de acordo com a operadora do serviço.

Como funcionam os benefícios flexíveis Creditas para alimentação?

Benefícios voltados à alimentação, ainda que não sejam obrigatórios, representam uma grande e valorizada vantagem para o colaborador e pode ser um fator importante de atração e retenção de talentos, satisfação e melhora da produtividade – já que funcionários satisfeitos são naturalmente mais engajados com a companhia.

Nesse sentido, o cartão de benefícios flexíveis pode ser um excelente diferencial, já que por meio desse recurso é possível oferecer não apenas o vale-alimentação e vale-refeição, mas também vale-refeição, cultura, mobilidade, educação, entre outros, em apenas um cartão. 

Basicamente, esse cartão funcionar como um carteira virtual de todos os benefícios disponibilizados pela empresa aos seus colaboradores. Isso possibilita mais liberdade para sua utilização e aumenta o poder de escolha dos funcionários, que podem utilizar esse valor extra. Sem dúvida, trata-se de uma solução muito mais prática para os colaboradores, que podem controlar seus benefícios em um só lugar, e também para o RH, que em uma única plataforma poderá realizar toda a gestão de pagamentos.

Caso você queira entender um pouco mais sobre ele, temos um guia completo sobre o cartão de benefícios flexíveis aqui no RH Estratégico.

Tire suas dúvidas

Veja abaixo as respostas para as principais dúvidas sobre VA e VR.

Vale-alimentação e vale-refeição são obrigatórios? 

De acordo com o artigo 458 da CLT, a empresa não tem obrigação legal de fornecer valores específicos para alimentação, visto que, em tese, o salário por si já será destinado em parte para a compra de insumos alimentícios. Dessa forma, ambos são tratados como benefícios opcionais, cujo valor pode ser dividido com o funcionário ao descontar uma porcentagem de seu salário para essa finalidade – exceto quando há uma determinada por Convenção ou Acordo Coletivo de Trabalho, que pode tornar obrigatória a concessão do valor.

Vale ressaltar que, caso exista o desconto, ele não poderá ser maior do que 20% do salário-base para não comprometer o orçamento do colaborador.

É possível oferecer vale-refeição e vale-alimentação ao mesmo tempo?

Sim, é possível. Algumas empresas disponibilizam um valor exclusivo para vale-alimentação e outro para vale-refeição, que inclusive podem ser oferecidos em cartões diferentes. Outras dividem o valor do saldo mensal entre os dois e, ainda, podem oferecer um só saldo para ambos por meio de um mesmo cartão, de forma que o colaborador tenha total autonomia para escolher como utilizar.

Este conteúdo ajudou você a entender mais sobre as diferenças entre vale-alimentação e vale-refeição? Saiba que o RH Estratégico tem tudo que você precisa para otimizar processos e alcançar melhores resultados em sua gestão de recursos humanos. Continue acompanhando!

Newsletter

RH Estratégico

Assine a newsletter e fique por dentro de todas as nossas novidades.

Nome
E-mail

Ao assinar a newsletter, declaro que concordo com a Política de privacidade da Creditas.

Publicações recentes

Atração e retenção

Salários no RH: remuneração de gestor e analista