• Simule seu crédito

    Simule seu crédito

    • Empréstimo com veículo em garantia
    • Empréstimo com imóvel em garantia
    • Empréstimo consignado
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Soluções

    Soluções

    • Imóveis

    • Reforma
    • Venda
    • Carros

    • Financiamento de carros
    • Loja de carros
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Benefícios corporativos

    Empresas

    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Ajuda
Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Atração e Retenção
  • Benefícios flexíveis
  • Employer branding
  • Educação financeira
  • Departamento pessoal
  • Na mídia
  1. Home

  2. Departamento pessoal

Departamento pessoal

Organograma Empresarial: o que é, como fazer e exemplos

Entenda como o organograma pode ajudar na organização da sua empresa e como o RH pode elaborar esse documento. 

por Redação @Work

Atualizado em 9 de junho, 2022

Quer saber tudo sobre organograma empresarial? Então você está no lugar certo. Nesta matéria, você encontra um guia completo para entender o que ele é, como fazer o da sua empresa e alguns exemplos para você utilizar como referência. 

Seja durante o onboarding de novos colaboradores, na estruturação do plano de carreira ou durante o gerenciamento de recursos da equipe, o organograma da empresa é extremamente importante para garantir que todos estejam alinhados sobre a estrutura dos times e a hierarquia da empresa. 

Pensando nisso, o RH Estratégico preparou um conteúdo especial para explicar questões importantes sobre organograma. Nesta matéria você vai entender: 

  • O que é um organograma empresarial
  • Qual sua importância
  • Quais os tipos existentes
  • Como fazer um organograma
    • Usando Excel
    • Usando Word
    • Usando o Miro
  • Dicas para criar o organograma da sua empresa

O que é um organograma empresarial?

O organograma empresarial é um mapa que mostra as relações hierárquicas entre os diferentes departamentos e funções da empresa. Ele também pode incluir informações sobre quem é responsável por cada área e como as diferentes áreas da empresa estão interconectadas. 

O organograma empresarial é um importante ferramenta de gestão que pode ajudar a melhorar a eficiência da empresa e aumentar a produtividade. Ele também pode ser útil para o planejamento estratégico, pois permite que os gestores vejam de uma só vez como a empresa está estruturada e quais são as relações entre os diferentes setores.

Qual a importância do organograma?

O organograma é uma ferramenta indispensável para qualquer empresa, pois permite que os gestores visualizem de forma clara e precisa a estrutura hierárquica da organização. Além disso, o organograma também pode ser utilizado como base para a elaboração de planos de sucessão, criação de novas vagas e outras atividades relacionadas à gestão de pessoas. Qualquer empresa que deseje ter um funcionamento eficiente e bem-sucedido precisa ter um organograma atualizado e em conformidade com a realidade da organização.

Quais os tipos de organograma existentes?

Os principais tipos de organograma são: clássico, horizontal, circular, setorial e matriz. Cada um desses modelos apresenta vantagens e desvantagens que devem ser consideradas ao escolher o melhor para a sua empresa. 

Clássico

Nesse modelo, ele é construído de maneira vertical com o CEO/Presidente no topo da estrutura. Em cada nível abaixo dele ficam os diretores, gerentes, coordenadores e assim por diante. 

Horizontal

Nesse modelo, a estrutura é construída na horizontal para deixar claro que existe uma organização, mas que as relações hierárquicas têm menos importância. 

Circular ou radial

Esse modelo é construído para dar mais ênfase ao trabalho em equipe. Nele os líderes são apresentados ao centro do círculo e os colaboradores são distribuídos ao seu redor. 

Setorial

Este organograma é bastante parecido com o clássico, mas é focado em apenas um setor da empresa. Ele é mais utilizado em empresas com muitos colaboradores e que possuem times mais estruturados. 

Matricial

Este modelo oferece a maior flexibilidade de cargos e funções, já que estrutura os colaboradores por grupo de trabalho e não por hierarquia dentro da companhia. 

Como fazer um organograma?

Um organograma é uma representação gráfica de uma estrutura organizacional ou de um processo. Sendo assim, existem várias maneiras de criar um organograma em softwares que oferecem ferramentas específicas para criação dos mesmos como o Microsoft Word ou Microsoft Excel ou Figma.

Abaixo vamos explicar como fazer em cada uma das ferramentas citadas acima.

Usando o Excel 

O Excel oferece uma série de opções para a criação de organogramas com a forma de utilização dependendo apenas da sua necessidade. Para facilitar sua vida, confira o passo a passo no vídeo abaixo.

Usando o Word

Criar um modelo no Word é bem simples, já que é necessário apenas criar um gráfico SmartArt utilizando o layout de organograma. Para ver o passo a passo, basta acessar este tutorial da Microsoft ou assistir ao vídeo abaixo. 

Usando o Miro

imagem de pessoas usando o Miro online para criar um organograma

O Miro é outra ferramenta que possui um modelo de organograma. A principal vantagem dessa ferramenta é que ela já possui esse modelo pronto e você adaptar toda a estrutura colaborativamente.

Para usar o modelo de organograma do Miro, basta acessar essa URL

Dicas para criar o organograma da sua empresa

Aqui estão algumas dicas valiosas que podem ajudar você a criar um organograma para sua empresa:

1. Determine o objetivo do seu organograma

Você está criando um mapa para ajudar a visualizar as relações entre os departamentos e as pessoas na sua empresa ou ele será utilizado como um guia para listar as responsabilidades de cada função? Entender claramente qual é o objetivo do organograma ajuda a identificar quais  elementos são necessários.

2. Identifique as hierarquias

Agora que você já sabe o seu objetivo é hora de começar a produzir. A primeira coisa a se fazer é mapear as estruturas de cargos da empresa, definindo os graus de hierarquia entre eles. Essa parte do trabalho é essencial para o desenvolvimento das próximas etapas da montagem do organograma.

3. Escolha um formato

Como explicamos acima, existem muitas maneiras de exibir as informações em um organograma. Escolha o formato que melhor atenda às suas necessidades e que seja de fácil compreensão para todos os envolvidos. 

4. Selecione a ferramenta 

Logo acima explicamos como utilizar o Excel, Word ou Miro para criar seu organograma, mas você é livre para escolher aquela que mais se adequar a sua necessidade. Lembre-se: a ferramenta ideal é aquela que atende as suas necessidades.

5. Faça a validação das informações

Se você já realizou todos os passos acima, agora é hora de validar as informações. Converse com cada líder para garantir que as informações disponíveis no documento estejam corretas.

6. Agora é hora de apresentar!

Depois de todos esses passos, agora é hora de mostrar o cronograma para toda empresa. Você pode fazer isso distribuindo o link de acesso por e-mail ou até imprimindo e colocando em um mural de recados, mas, para garantir que todos vão compreender o documento, o ideal é que antes de enviar você reúna a equipe e apresente essa estrutura. 

Agora que você já conhece melhor o conceito de organograma e entendeu sua importância é hora de começar a produzir o seu. Caso surjam dúvidas durante o processo é só voltar aqui e deixar seu comentário que teremos prazer em ajudar você. 

Se o conteúdo desta matéria faz diferença para seus próximos projetos, saiba que o RH Estratégico tem tudo que você precisa para otimizar processos e alcançar melhores resultados.

Newsletter

RH Estratégico

Assine a newsletter e fique por dentro de todas as nossas novidades.

Nome
E-mail

Ao assinar a newsletter, declaro que concordo com a Política de privacidade da Creditas.

Publicações recentes

Departamento pessoal

Diversidade no trabalho: o que é e qual a sua importância