• Simule seu crédito

    Simule seu crédito

    • Empréstimo com veículo em garantia
    • Empréstimo com imóvel em garantia
    • Empréstimo consignado
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Soluções

    Soluções

    • Imóveis

    • Empréstimo com garantia
    • Aluguel
    • Financiamento
    • Seguro Casa
    • Carros

    • Empréstimo com garantia
    • Financiamento de carros
    • Seguro Auto
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Seguros

    Seguros

      Soluções de seguros para proteger suas conquistas. Cote online, compare preços e economize com a maior corretora online do país, a Minuto Seguros, uma empresa Creditas.

    • Para você

    • Auto
    • Casa
    • Viagem
    • Vida
    • Acidentes Pessoais
    • Mais seguros para empresas
    Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Benefícios corporativos
  • Ajuda
Mais praticidade? Baixe nosso app:
  • Controle financeiro
  • Realizando sonhos
  • Saia do Vermelho
  • Me explica Creditas
  • Tudo sobre Crédito
  • Meu negócio
  1. Home

  2. Controle Financeiro

Controle Financeiro

Black Friday sem fraude: como aproveitar e não ser enganado

Procon divulga lista de sites não confiáveis. Confira dicas para aproveitar a temporada de descontos sem ser lesado 

por Elaine Ortiz

Atualizado em 24 de novembro, 2023

Black Friday sem fraude: como aproveitar e não ser enganado

A Black Friday, um evento de descontos que se originou nos Estados Unidos, se tornou uma data significativa no calendário do comércio brasileiro desde sua introdução em 2010. Nos últimos anos, a Black Friday tem registrado crescimentos expressivos em vendas, refletindo a crescente atenção dos consumidores brasileiros a esta data.

Para 2023, as expectativas são altas, com projeções indicando um aumento significativo em relação aos anos anteriores, impulsionadas pela retomada econômica e pelo aumento do consumo online.

Contudo, para garantir uma experiência positiva e evitar armadilhas, é essencial que os consumidores estejam bem informados e preparados. Nesta matéria você conhecerá as principais dicas para evitar cair em golpes durante a Black Friday.

Dicas para uma Compra Segura na Black Friday

Para não cair em golpes na Black Friday, é importante prestar atenção nas ofertas e nas descrições dos produtos. Também é importante pesquisar a reputação da loja para evitar dor de cabeça.  Confira formas preventivas de se proteger:

1. Compra consciente

A Black Friday pode ser uma tentação para muitos consumidores, mas é essencial manter a cabeça fria. Antes de se deixar levar pelas promoções, avalie a real necessidade do produto. Pergunte-se: “Eu realmente preciso disso agora?”.

Além disso, é importante considerar sua capacidade de pagamento. Comprometer-se com uma compra que vai além do seu orçamento pode levar a dívidas desnecessárias. Por fim, pesquise a confiabilidade da loja. Uma rápida busca na internet pode revelar a satisfação de outros consumidores com o serviço prestado.

2. Monitore os preços

Não se deixe enganar por falsas promoções. A prática de elevar preços dias antes para depois apresentar o valor original como uma grande oferta é comum e conhecida como “Black Fraude”. Para evitar cair nesse tipo de armadilha, acompanhe a evolução dos preços dos produtos que deseja adquirir nos meses anteriores ao evento. Utilize sites e aplicativos de comparação de preços para ajudar nesse monitoramento.

3. Monitore a reputação das lojas

Verificar a reputação das lojas online é crucial para fazer uma boa compra. Sites como o Reclame Aqui podem oferecer um panorama da confiabilidade e do histórico de problemas de uma empresa.

As reclamações  mais comuns no Reclame Aqui durante a Black Friday incluem a maquiagem de preços, problemas na entrega dos produtos, e divergências entre o valor anunciado e o cobrado no checkout. É fundamental estar atento a esses aspectos. Verifique também o valor do frete e as políticas de troca e garantia da loja.

4. Cuidados com pagamentos

Muitas fraudes ocorrem no momento do pagamento. Ao optar por pagar com boleto, verifique todos os detalhes, como o código do banco, o valor, e o beneficiário. Desconfie de boletos com valores diferentes do acordado ou com nomes de beneficiários desconhecidos. Prefira métodos de pagamento seguros e evite fornecer dados bancários em sites que não oferecem conexões seguras.

5. Cautela com links e sites suspeitos

Os golpes digitais são uma realidade, especialmente em períodos de grandes promoções. Desconfie de links recebidos por e-mail, mensagens de texto ou compartilhados em redes sociais, especialmente se eles prometem ofertas irresistíveis. Esses links podem redirecionar para sites falsos, que imitam lojas conhecidas para coletar dados pessoais e financeiros. Sempre verifique o endereço do site e procure por sinais de segurança, como o cadeado ao lado do endereço URL e a presença do “https” no início do link.

Para evitar problemas, confira a lista dos sites que devem ser evitados durante a Black Friday.

Como fugir das ciladas da Black Friday?

Ainda na dúvida sobre comprar ou não na Black Friday? Então escute o Podecrê, o podcast da Creditas, onde nosso especialista Gui Casagrande fala sobre as ciladas da Black Friday e como fugir delas.

 

O que fazer caso se sinta lesado ao comprar na Black Friday?

Se você se sentir lesado em uma compra realizada durante a Black Friday, é importante seguir alguns passos para garantir seus direitos enquanto consumidor.

Aqui está um guia prático e informativo sobre como proceder:

  • Verifique a Política de Troca e Devolução: Antes de qualquer ação, é essencial verificar a política de troca e devolução da loja ou do site onde a compra foi realizada. Muitas empresas possuem regras específicas para períodos de promoção, como a Black Friday.
  • Reúna evidências: Guarde todos os comprovantes de compra, incluindo e-mails de confirmação, recibos, anúncios da oferta, e qualquer outra comunicação com o vendedor. Se o problema for relacionado à publicidade enganosa, por exemplo, capturas de tela do anúncio podem ser úteis.
  • Contate o vendedor: O primeiro passo deve ser sempre entrar em contato com o vendedor ou a loja para expor o problema. Muitas questões podem ser resolvidas diretamente com o fornecedor do produto ou serviço.
  • Direito de arrependimento: No Brasil, o Código de Defesa do Consumidor garante o direito de arrependimento para compras feitas fora do estabelecimento comercial, especialmente em compras online. Você tem até 7 dias corridos, a contar da data de entrega do produto ou do fechamento do contrato, para desistir da compra e receber a devolução integral de qualquer valor pago.
  • Recorra aos orgãos de defesa do consumidor: Se o problema não for resolvido diretamente com o vendedor, você pode buscar auxílio em órgãos de defesa do consumidor, como o Procon. Eles podem intermediar a negociação e, se necessário, aplicar sanções à empresa.
  • Reclamações online: Plataformas como o “Reclame Aqui” podem ser úteis para expor o problema e buscar uma solução, além de alertar outros consumidores.
  • Ação judicial: Em casos mais graves, onde não há solução amigável, pode-se recorrer à justiça. O Juizado Especial Cível (conhecido como Pequenas Causas) é uma opção para causas de menor complexidade e valor.

Seguindo essas orientações, você pode aproveitar a Black Friday de forma segura e consciente, evitando ter problemas e garantindo as melhores ofertas.

Newsletter

Exponencial

Assine a newsletter e fique por dentro de todas as nossas novidades.

Nome
E-mail

Ao assinar a newsletter, declaro que concordo com a Política de privacidade da Creditas.

Publicações recentes

Me explica Creditas

Domicílio Eletrônico Trabalhista (DET): saiba o que é, o prazo e como cadastrar